buscar
‚ÄúAs mais avan√ßadas t√©cnicas de imagem para estudos de sistemas biol√≥gicos, da mol√©cula ao organismo inteiro.‚ÄĚ
‚ÄúInfraestrutura cient√≠fica √ļnica na Am√©rica Latina.‚ÄĚ
 
     
 
     
 
Ação antitumoral do resveratrol depende de p53

As propriedades antitumorais do vinho tinto são resgatadas com transfecção da proteína p53 nos tumores
15/11/2012 

Pesquisadores do INBEB/UFRJ descobrem correla√ß√£o entre a prote√≠na p53 e a prote√ß√£o antic√Ęncer do resveratrol, um dos principais compostos bioativos presentes nas uvas e no vinho tinto.

No trabalho, publicado essa semana na revista PLOS ONE, a equipe liderada pelo coordenador do INBEB, Jerson Lima da Silva, investigou os efeitos do resveratrol sobre células tumorais de pulmão incapazes de expressar a proteína p53 (H1299) e sobre outras células tumorais de pulmão (A549 e H460) e de mama (MCF-7) que expressam constitutivamente a p53 na forma selvagem. Os resultados indicam que o resveratrol reduziu a viabilidade destas células, sendo as linhagens selvagens mais sensíveis a este composto do que as que não expressam p53.

Al√©m disso, quando foi inserido posteriormente o gene de p53, as c√©lulas H1299 passaram a se tornar sens√≠veis √† subst√Ęncia. Desta forma, os resultados sugerem que o resveratrol, em associa√ß√£o com a introdu√ß√£o do gene da p53 em c√©lulas incapazes de expressar esta prote√≠na, pode constituir uma importante estrat√©gia de supress√£o tumoral, por tornar as c√©lulas sens√≠veis √† morte celular por apoptose. A Dra. Danielly Ferraz da Costa, primeira autora do trabalho, completa: "A introdu√ß√£o do gene p53 em tumores que n√£o produzem a prote√≠na, seguida de administra√ß√£o do resveratrol, pode representar uma nova e promissora abordagem terap√™utica em nossa luta contra o c√Ęncer‚ÄĚ.

O resveratrol foi identificado pela primeira vez em 1940, no vinho tinto. Por√©m, em 1997 Jang e colaboradores demonstraram pela primeira vez que este composto foi capaz de prevenir o c√Ęncer, atuando sobre os diferentes est√°gios de seu desenvolvimento. 

 
     
     
   
     
2019 - Todos os direitos reservados.