buscar
‚ÄúAs mais avan√ßadas t√©cnicas de imagem para estudos de sistemas biol√≥gicos, da mol√©cula ao organismo inteiro.‚ÄĚ
‚ÄúInfraestrutura cient√≠fica √ļnica na Am√©rica Latina.‚ÄĚ
 
     
 
     
 
22/08/2018 - Lucas Bleicher

  
Uma imensa quantidade de dados de genoma humano vem sendo depositada ano a ano em bancos de dados pelo mundo. Muitos deles nunca ser√£o estudados experimentalmente.
 
Como ent√£o tirar proveito desse material para realizar estudos de prote√≠nas? A chave est√° na an√°lise computacional, atrav√©s da qual √© poss√≠vel obter informa√ß√Ķes que n√£o seriam poss√≠veis a partir de an√°lises individuais de cada sequ√™ncia.
 
No semin√°rio "Usando dados gen√īmicos para guiar estudos de estrutura e fun√ß√£o de prote√≠nas", Lucas Bleicher (ICB/UFMG) mostra como usar tais informa√ß√Ķes para realizar estudos explorat√≥rios e planejar, de forma racional, experimentos in vitro e in vivo no estudo de prote√≠nas.
 
Organizado pelo Instituto Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem (INBEB), o evento acontece na quarta, 22/8, às 15h, no auditório do Bloco N do CCS/UFRJ.
 
--------------------
 
Lucas Bleicher é professor do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Minas Gerais (ICB/UFMG) e atua nas áreas de Biologia Estrutural (Estrutura e função de proteínas, Cristalografia) e Bioinformática/Biologia Computacional (análise de famílias de proteínas homólogas por métodos estatísticos e computacionais, modelagem molecular).
 

 
     
     
   
     
2018 - Todos os direitos reservados.