buscar
“As mais avançadas técnicas de imagem para estudos de sistemas biológicos, da molécula ao organismo inteiro.”
“Infraestrutura científica única na América Latina.”
 
     
 
     
 
Cenabio agrega laboratório de pinças óticas

 
Café Científico reúne pesquisadores e técnicos do Cenabio para apresentação do ono Laboratório de Pinças Óticas
 
A Unidade de Microscopia Avançada do Centro Nacional de Biologia Estrutural e Bioimagem (Cenabio) está prestes a ganhar um laboratório de pinças óticas. A nova estrutura está sendo montada pelos professores Nathan Viana (IF-UFRJ), que é também o coordenador do laboratório, e Bruno Pontes (ICB-UFRJ), e vai contar com quatro microscópios, sendo dois de pinças óticas, um para o desenvolvimento de instrumentalização e o último para a produção de filmes em time-lapse de culturas de células. Os equipamentos estão hoje em funcionamento no Laboratório de Pinças Óticas (LPO) do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB-UFRJ) e serão incorporados à estrutura do Cenabio até o fim de 2018.
 
Com a chegada dos microscópios ao Cenabio, a expectativa é aumentar a colaboração entre os pesquisadores e criar oportunidades para desenvolvimento de pesquisas de fronteira. “Meu sonho é fazer, no mesmo equipamento, estudos com técnicas de fluorescência, força atômica e pinças óticas”, conta o professor Nathan Viana.
 
O projeto foi apresentado nesta quarta, 29/08, durante o Café Científico do Cenabio, evento periódico que reúne profissionais do centro de pesquisa para troca de experiências. Participaram também a técnica em microscopia avançada do Cenabio, Rachel Rachid, o professor emérito e coordenador do Cenabio, Adalberto Vieyra, e o professor e diretor da Unidade de Microscopia Avançada do Cenabio, Kildare Miranda, que falaram sobre os aspectos administrativos e a importância do novo laboratório.
 
----------------
Por Luana Rocha (AsCom INBEB)
Publicado em 29/08/2018

 
     
     
   
     
2018 - Todos os direitos reservados.